As noites em Angola #2.09


Noite Agradável.
Noite com 24 graus. Está-se bem na rua. Está-se bem em casa. Num dos recantos ,com sofás e puffs, da pensão a ler está-se ainda melhor. O livro da semana é o Terrorista de Berkeley de Pepetela. Lê-se bem e rápido e tem acompanhado as  insónias na sua saga para que eu durma cada vez menos. A falta das horas de sono sinto-as durante a noite. Durante o dia não sinto a falta das horas que não dormi. O povo angolano emana uma energia positiva, a humidade de cá lembra-me muito a Madeira. O vento do deserto sabe bem. A alegria de viver, apesar de tanta pobreza, é contagiante. As churrascadas da casa do vizinho transformam-se nas churrascadas da rua inteira. Gosto. Gosto do pormenor de poder comprar um hamburguer na tasca da esquina, metê-lo num saco e pedir uma cerveja e vir com a garrafa de cerveja na mão até à pensão. Gosto do facto de celebrarem tudo e celebrarem com cerveja. Gosto do facto da senhora da Pastelaria Nilo tirar a bica como gosto. Gosto do facto de o segurança do edifício me tratar pelo sobrenome. Gosto de poder subir 4 andares a pé para depois sentar-me numa sala só de homens. Gosto de a meio da tarde poder subir mais dois andares e ir ter ao Terraço e assistir ao pôr-do-sol. Gosto de acordar cedo. Gosto de dizer a minha idade e responderem: Não... 34? Não acredito! Tem cara de menina.
Gosto daqui e do que este país está a fazer por mim!
E hoje gostei mais... porque se estava a sentir-me em casa cá e no projecto, hoje foi um dia de muitas emoções. Começou com a Zorro a falar comigo no communicator e dizer que já tinha os sapatos que tinha mandado fazer e que não tinha a quem mostrar. Porque os gajos da equipa...enfim!!! Depois foi um outro colega que falava comigo via skype e diz: Já temos saudades tuas! E mais tarde, la piéce de resistance, após um pequeno ponto de situação, dizem: Bom trabalho e volta depressa.
E se dúvidas existissem sobre a minha escolha em continuar por Lisboa, as dúvidas desfizeram-se todas hoje. Gosto da minha vida assim. Lisboa - Madeira e pelo meio, agora Angola.
Dados das fotos:
Autor: eu
Data: 03-Julho-2010
Local: Luanda, Angola

1 comentário:

  1. É sempre bom descobrirmos que tomámos as decisões acertadas :) E quando elas têm impacto na nossa felicidade, melhor ;)

    ResponderEliminar