Divagações #12

Doente, engripada, muita tosse (não passa), as tais dores intestinais e a chá, muito chá. 
Em casa morro de tédio, estou a ler alguns e-mails do trabalho mas não respondo, o sofá já está farto de mim e a cama idem. 
Faltei ao PGGD de ontem. Damm que raio de organizadora sou. 
Stressei por causa dos bilhetes do Bon Iver, recebi sms a informar-me de filas para comprar. Meti umas calças de fato de treino por cima do pijama e fui a pé, suando por todos os poros, comprar o bilhete. Já viram o calor que está lá fora? Quem está fechado em casa não sente nada além de dor. Fiquei pior e as dores de cabeça aumentaram, não devia ter ido a correr. 
Amanhã tenho cabeleireiro, vou fazer madeixas pela primeira vez em Portugal Continental graças à Groupon e vou faltar a uma passeata com amigas pelas retrosarias da Baixa Chiado. Já acabei a minha gola de tricot. Entusiasmei-me e acho que está demasiado grande. Tenho que pedir ajuda às experts, T. e S
Bebo chá, acho que já bebi um da Mariage Fréres, Twinings, gourmet Continente, Kusmi, Empório do Chá, Pérola do Chaimite, Palai de Thés, whatever. Ao final do dia terei cá em casa amigas com quem vou dividir esta paixão e outras, trazem-me livros.
Vejo filmes. Ou melhor, estou a aproveitar o livro deste mês do Clube de Leitura para rever todas as adaptações de Pride and Prejudice. Até Bride and Prejudice marchou, foi nesse filme que fiquei a conhecer melhor o Sayid do Lost, depois de o ter visto no Paciente Inglês. Tão lindo que ele é, mas nada bate o meu Faraday (smart is the new sexy). Tenho saudades de Lost, de uma série que desperte em mim ódio, raiva e ao mesmo tempo dedicação e admiração.  
Tenho visto Once Upon a Time e lido Fables. Gostaria que em Once Upon a Time existisse só um Prince Charming tal como em Fables, seria mais realista, porque um homem nunca se contenta com uma, porque só acaba com uma se já tiver outra. São todos assim os meninos que não conseguem viver sem uma mulher. Têm que ter já uma substituta para poder dispensar a titular. Tal como no desporto, só existe substituição se houver alguém no banco à espera de brilhar. Talvez seja por isso que os homens tanto desesperam e gritam "E agora?" quando alguém é expulso. Mal sabem eles que às vezes, menos é qualidade. 
Qualidade que se ganha com dedicação e esforço. 
Esforço que faço para manter os olhos abertos, não quero me deitar, doí-me as costas, a medicação torna-me lenta, quero sol, quero sair, quero ficar doente na minha ilha. Aqui não tem piada. Ontem vieram cá duas amigas, fizeram-me o jantar. Coimbra tem este efeito nas amizades, elas são mulher e ex-namorada de colegas de curso, a presença delas é agora menor mas quando preciso, ou elas precisam, a amizade é mais forte que os fantasmas do passado.
Passado que insiste em bater à porta e trazer a sensação de dejá-vu. Terei eu que escolher entre a red pill ou a blue pill? O País das Maravilhas não é assim tão promissor, já lá estive e é como tudo na vida, o entusiasmo inicial o optimismo em querer ajudar e, num segundo os sonhos viram pesadelos. Talvez deva tomar a vermelha, acordo e acredito no que quiser, tal como tenho vindo a fazer... mas os olhos não mentem e o aborrecimento da realidade é disfarçado com um sorriso ou com o silêncio. 

7 comentários:

  1. As melhoras! :-)
    Hoje esteve um calor descomunal, o meu carro marcava 25º. Em Março? Não é normal! E porque não compraste os bilhetes online? Sempre tinhas ficado mais um bocadinho a recuperar.

    Espero que estejas melhor na 2ª, para a nossa caminhada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 2ª feira, lá estarei. ;) No domingo mando-te sms.

      Eliminar
  2. As melhoras! Eu lá fiz a reserva do meu bilhete e amanhã vou busca-lo!

    Este tempo está mesmo marado....tenho mais de metade da família com virose...acho que vou proibir a malta de cá vir, não me posso dar ao luxo de me constipar.

    Depois conta como correram as madeixas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Da minha casa a uma bilheteira não é mto longe... fui lá em 20minutos.
      E não apanhei fila. ;)

      Eliminar
  3. O meu bilhete já cá canta! Eu não posso ir a Fnac, para além do bilhete, encomendei uma caixa completa de BSG! E fiquei a olhar para o cartaz do Alive....achei melhor sair de lá rapidamente antes que me desgraçasse completamente!

    ResponderEliminar