Audiobook: Forgive Me, Leonard Peacock by Matthew Quick


Sinopse
In addition to the P-38, there are four gifts, one for each of my friends. I want to say good-bye to them properly. I want to give them each something to remember me by. To let them know I really cared about them and I'm sorry I couldn't be more than I was—that I couldn't stick around—and that what's going to happen today isn't their fault. 

Today is Leonard Peacock's birthday. It is also the day he hides a gun in his backpack. Because today is the day he will kill his former best friend, and then himself, with his grandfather's P-38 pistol. But first he must say good-bye to the four people who matter most to him: his Humphrey Bogart-obsessed next-door neighbor, Walt; his classmate Baback, a violin virtuoso; Lauren, the Christian homeschooler he has a crush on; and Herr Silverman, who teaches the high school's class on the Holocaust. Speaking to each in turn, Leonard slowly reveals his secrets as the hours tick by and the moment of truth approaches.


Minha Opinião
No dia em que celebra 18 anos, Leonard Peacock decidi matar o seu ex-melhor amigo e morrer.
Mas antes de morrer, e durante o dia do seu aniversário - dia normal para todos os demais - Leonard tenta demonstrar a 4 pessoas da vida dele o quanto elas significam para ele. 
O vizinho, Walt, com quem passa mais tempo do que com a mãe e, que fala citando filmes de Humphrey Bogart.
O seu colega de escola, Baback, que toca violino e que cobra a Leonard para que o possa ouvir. 
Lauren, a miúda da escola por quem tem um fascínio especial. 
E Herr Silverman, o seu professor preferido.
Nenhuma destas quatro pessoas tem conhecimento da data de aniversário de Leonard. A Mãe de Leonard passa a vida a trabalhar, o Pai é um despreocupado e nenhum se lembra do dia de aniversário de Leonard. Como é que uma mulher pode esquecer-se do dia em que foi mãe pela primeira vez? 
No encontro com cada uma dessas 4 pessoas ficamos a conhecer melhor Leonard, e de alguma forma a importância que essas pessoas têm na vida dele. Inicialmente Leonard achava que estas pessoas eram suas amigas, que que não o consideravam como amigo, e é ao tentar oferecer algo a cada um deles que a sua percepção da realidade muda. 
Os diálogos com Walt e Herr Silverman são os meus preferidos e são as pessoas que percebem que algo não está bem. 
O amigo Baback surpreende-o ao convidá-lo pela primeira vez para fazerem algo em conjunto, um cinema, um café. São planos para o futuro de que Leonard não estava à espera. 
Lauren - irritante e católica - estranha o comportamento de Leonard e dá início ao discurso de que o pai dela - Pastor - e Deus poderão salvá-lo. 
Ao longo dos quatro encontros, apercebemo-nos que todos perceberam que algo se passa com Leonard, mas só Herr Silverman não desiste de tentar perceber quais os seus planos e a razão dos mesmos. 
Só quando Leonard chega ao momento em que vai visitar o ex-melhor amigo é que o leitor consegue perceber as verdadeiras razões de querer abandonar a vida que tem, e levar com ele alguém...

Todas as histórias têm um fim, este parecia não chegar. 
Os últimos capítulos são super emotivos e duros de digerir. 



Forgive Me, Leonard Peacock by Matthew Quick
My rating: 5 of 5 stars

Sem comentários:

Enviar um comentário