Filme: Cairo Time (2009)



É impressionante a quantidade de bons filmes que andam por aí e que nos passam ao lado. Este é um deles.
Cairo Time (link) está cheio de imagens da cidade, cheio de diálogos sobre a compreensão e incompreensão sobre um país diferente, mostra a solidão num país distante, a ausência do sono, a necessidade em se sentir útil, o querer ajudar, o lutar, o querer ir ter com o objectivo e não conseguir, tudo por amor. 
Numa viagem que era suposto ser de férias, onde passaria uns tempos com o marido que se encontra em missão pela UN no Cairo e ver as pirâmides com ele, quer o destino que o marido seja enviado para longe do Cairo numa missão urgente. Sozinha, num país onde os homens perseguem-na por ser diferente, onde ela nem sabe como agir por não conhecer a sociedade, ela encontra no amigo do marido que a foi buscar ao aeroporto um porto/um refúgio para não dar em louca, e percebe o quanto pode ser feliz com tão pouco.

No fim, após o regresso do marido, o olhar dela, a pensar no futuro e em tudo o que viveu ao ir visitar as pirâmides com o marido, fingindo que era a primeira vez, diz tudo. 
Mania de nós, mulheres aguentarmos tudo no silêncio. 

2 comentários:

  1. Tambem so' vi este ha uns meses atras. Tambem adorei e fez-me andar mais atenta ao cinema Canadiano.

    PS: O vertido dela nao e' fabuloso?!

    ResponderEliminar