Divagações #12

pudera eu aspirar os meus pensamentos como aspiro o pó.
pudera eu limpar os sentimentos como limpo o chão com a esfregona.

Sem comentários:

Enviar um comentário