Livro: A Mulher do Legionário


Sinopse
Fernanda, filha de Eduardo Lobo, um advogado oposicionista suspeito de ter à sua guarda documentos secretos que incriminariam alguns dos membros mais importantes do regime de Salazar durante a Segunda Guerra Mundial, envolve-se com Augusto Torres, um jovem e ambicioso membro da Legião Portuguesa, que recebeu a missão de descobrir tais documentos.
Eduardo Lobo aparentemente suicida-se, o legionário casa com Fernanda e os comprometedores papéis não aparecem. Ficarão a pairar ao longo dos anos como uma ameaça sobre vários interesses e ambições. 

Fernanda revela-se uma mulher fora das leis da sua época e Augusto um homem capaz de tudo para ascender aos mais altos cargos do regime. 
Após o casamento, os indícios que foram chegando a Fernanda Torres fizeram com que não conseguisse pensar no marido sem ser como o assassino do seu pai. 
A partir daí, mais do que procurar a verdade, Fernanda quer fazer justiça para lá do tempo, causar-lhe todo o mal possível, vingar-se.


Minha Opinião
Impressionante a viagem histórica que fiz ao ler este livro. 
Desde a Conferência de Berlim no fim do século XIX, passando pelo relato da morte dos Bragança, os acontecimentos da I Guerra Mundial, a 'neutralidade' de Portugal na II Guerra Mundial, a Guerra Colonial, o salazarismo, as jogadas políticas, o relacionamento com a Inglaterra, a religião, o sexo, a crença da sociedade portuguesa nos últimos cem anos.
Fernanda relata a vida dos seus progenitores e do seu descendente à irmã São José, freira que tem como tarefa ajudar Fernanda a recolher documentação sobre a sua vivência.
Fernanda conta o divórcio do pai de uma inglesa que mais tarde viria a ser a amiga lésbica de António Ferro (nos anos do salazarismo), menciona a taróloga que lia o destino a Salazar e que originava discussões entre este e o amigo Cerejeira, relata a guerra colonial como a pior de todos os tempos e do problema existencial dos mulatos - netos de avós que deserdaram os filhos por darem um neto de outra cor - fala de amantes, inimigos, do sonho no enriquecimento fácil nos casinos de Macau, da morte do pai que a persegue e que a obrigou a casar com o legionário que supostamente o matou.

Relatos fantásticos da nossa história portuguesa. Impossível o leitor não se identificar com determinadas épocas. 

  
A Mulher do Legionário by Carlos Vale Ferraz
My rating: 4 of 5 stars

Sem comentários:

Enviar um comentário