Once divided...Nothing left to subtract...

Depois de falar com o meus pais ao telefone fico sempre com aquela lágrima no olho, aquela lágrima que quer molhar a cara mas que não tem força suficiente para ultrapassar o obstáculo da pálpebra. 
Depois de falar com os meus pais ao telefone fico sempre com aquela sensação de vazio, aquele vazio que parece que só é preenchido quando estou na Madeira.  
Depois de falar com os meus pais ao telefone questiono-me, quase sempre, se esta é a vida que eles sonharam para mim.
Depois de falar com os meus pais ao telefone tenho a certeza de que eles ficam felizes por me sentir feliz. 
Por isso quando falo com os meus pais ao telefone, muitas vezes finjo...para não os preocupar.


Música: Pearl Jam - NothingMan (ver vídeo)

Sem comentários:

Enviar um comentário