A minha passagem pela ilha....

Podem ver algumas fotos da iluminação das ruas do Funchal aqui.
A árvore na Marina do Funchal estava mesmo espectacular. Como podiámos estar debaixo da árvore conseguimos este efeito:


Resumo das mini-férias
Dia 23
Cheguei já tarde, quase dia 24, à Madeira. Mas, não tarde o suficiente para não ir à "noite do Mercado". :) Mal cheguei encontrei família e dirigi-me à Taska "Sete Mares". Os donos são do Estreito e paguei uma poncha e deram-me duas... Comecei bem as férias. ;)
Links sobre a Noite do Mercado:
- fotos do ano passado ;
- no youtube ;

Dia 24
Dediquei este dia à família. Coloquei alguma conversa em dia, enchi os meus sobrinhos de beijos. Vi Tv que me fartei e tirei montes de fotos em bicos de pés ao lado do meu irmão mais novo, numa tentativa frustrada de mostrar que sou tão alta como ele. :) Nada de poncha.

Dia 25
Levei uma sova valente ao jogar PS com os meus sobrinhos e joguei ao casino (jogo de cartas madeirense) com os meus irmãos. Comi que me fartei.

Dia 26
Acordei com remorsos de tudo o que mastiguei no dia anterior, e pelas 9h da manhã fui correr para a promenade. Estive com a S. num cáfé perto de casa e depois rumei para a casa da minha avó. Confusão do costume. Almoço para 50 pessoas... lavar louça... troca de presentes... troca de informações... Pelas 20h chegou o G. ao aeroporto da Madeira.

Dia 27
Ainda com remorsos, fui mais uma vez correr para a promenade. Mais um cafézinho com a S. para combinar o apoio à O. na volta à cidade e o jantar. À tarde, fiz de guia turística ao G., pelas ruas do Funchal, que nunca tinha estado na Madeira no fim-de-ano. Jantámos no Papa Manuel I. Que saudades da melhor pizza do mundo. E depois... bora para Câmara de Lobos para a Poncha. Além do "Sete Mares", aconselho a poncha de tangerina na taska "A vaquinha". O Nr 2 está agora demasiado select.

Dia 28
À noite, a São Silvestre - Volta à Cidade do Funchal. Juntámo-nos (eu, M. e S. e o G.) e fomos apoiar a O. que mais uma vez foi a melhor madeirense. ;)
Jantámos juntas e depois rumámos mais uma vez à poncha de Câmara de Lobos. :)


Dia 29
O G. ainda não conhecia Santana... Visita guiada a Santana, almoçamos por lá e estivemos quase, quase a ir ao Parque Temático da Madeira (que para mim é novo). Não fomos... rumamos a São Vicente com várias paragens na estrada antiga, Arco de São Jorge, BoaVentura, Ponta Delgada.
Em São Vicente visitámos as grutas e o centro de vulcanismo da Madeira. Nunca lá tinha ido e gostei imenso.
Rumo a casa com paragem intermédia: Poncha na Serra D'Água, ou melhor várias ponchas.

Dia 30
Tarde passada com as amigas, em casa da S. e depois rumo à poncha na Serra D'Água.

Dia 31
De manhã cedo rumámos à entrada da Levada do Norte no Estreito. Bem, a distância não era muita. :) O G. estava sempre a me pedir para fazermos um passeio a pé.
Fizemos uma das partes mais fáceis. Estreito - Quinta Grande. Costumava fazê-lo de vez em quando, quando ia com as minhas amigas ao Cabo Girão e quando não queriámos que ninguém nos visse. :) Podem ver algumas fotos aqui.
À noite, eu, o G. e a M. passámos juntos o final de ano. Depois apareceu a S. e o marido e andámos pelas tasquinhas do Funchal.

Dia 01
Almoço em casa e passeio por Câmara de Lobos. Fui pôr o G. ao aeroporto pelas 19h (Não conseguimos vôo juntos... é o que dá haver só 2 operadoras para a Madeira). Voltei para casa, deixei o carro à porta de casa e subi o Estreito rumo ao Bar "A Venda" (perto da entrada da Levada do Norte) e lá fomos para a poncha... eu, a S. e a O.
Tinha que percorrer as minhas tasquinhas preferidas. ;)
Esteve lá a família da O., pagou-nos umas ponchinhas... Bebi demasiado... Mas, também estava a me despedir.
Pelas 23h30m, desci rumo a casa. O meu irmão já estava à minha espera e rumámos ao aeroporto. Eu só dizia: "Achas que fazem o teste do balão aos passageiros?"
Ele ria-se.
Dormi a viagem toda e nem houve ressaca. :)


E cá estou... de volta ao à minha vida normal.